2 de setembro de 2010

um poema de ledusha

barriga latindo de tédio

sério desequilíbrio emocional

em média leio dez livros por dia

ao mesmo tempo

antes de dormir

caso mme bovary com nelson rodrigues

e estamos entendidos
 
(Ledusha)
 
In: Finesse e Fissura. Editora Brasiliense.
 
Nota: qualquer empatia é mera coincidência, tá?

2 comentários:

Í.ta** disse...

gente,
que putaçamente perfeito!

Camila F. disse...

Muito bom! E eu fiquei com vergonha pq nunca li nada dela. Então fui pesquisar no google. Achei do livro "Exercícios de levitação": "Longe e alva vai a ave. Altiva lá também se vai a tarde. Estou salva. O poema sempre vai além."

Já me apaixonei por ela. Vou procurar os livros. Obrigada, Eduardo :)
Beijo e bom fim de semana!